Aborto é a principal causa de morte no mundo pelo 5º ano consecutivo

0
247

Imagem ilustrativa. (Foto: Unsplash/ Luma Pimentel).

No total, 44,6 milhões de bebês foram mortos em 2023.

O aborto foi a principal causa de mortes no mundo em 2023, pelo quinto ano consecutivo, de acordo o banco de dados em tempo real de saúde e população global, Worldometer. No total, 44,6 milhões de bebês foram mortos no ano passado.

O número de abortos ultrapassou o número de vítimas de outras principais causas de morte.

A segunda principal causa de mortes no mundo em 2023 foi doenças transmissíveis, com mais de 12,9 milhões de vítimas.

O câncer foi a terceira causa, vitimando mais de 8,2 milhões de pessoas. Seguido do tabagismo, que matou mais de 4,9 milhões.

Mais de 2,4 milhões de pessoas morreram devido ao consumo de álcool e mais de 1,6 milhões de pessoas foram vítimas do HIV ou AIDS.

As principais causas de mortes identificadas pelo Worldometer também incluem acidentes de aviação, que mataram mais 1,3 milhões de pessoas, e suicídio, totalizando mais de 1 milhão.

Leis pró-vida

Nos últimos quatro anos, o aborto se manteve como a principal causa de mortes no mundo, apresentando um leve aumento ao longo dos anos. 

Em 2021 e 2020, aproximadamente 44 milhões de bebês foram abortados. 42,4 milhões de fetos foram mortos em 2019. 

O número de abortos realizados em 2023 permaneceu praticamente inalterado em relação a 2022, mesmo após a derrubada do direito ao aborto pela Suprema Corte dos Estados Unidos.

Desde a decisão, 14 estados americanos implementaram leis proibindo totalmente ou parcialmente a interrupção da gestação.

O grupo pró-vida Susan B. Anthony Pro-Life America estima que 166.239 abortos serão evitados a cada ano, após a decisão.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO THE CHRISTIAN POST

RETIRO IP SEMEAR 2023

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here