Danilo Gentili flagra ativistas LGBT hostilizando pastor durante pregação

0
91

O apresentador registrou o momento em que ativistas LGBT hostilizaram um grupo de cristãos em Nova York.

Danilo Gentili filmou pastor sendo hostilizado por ativistas LGBT, em Nova York. (Foto: Reprodução/Twitter)
Danilo Gentili filmou pastor sendo hostilizado por ativistas LGBT, em Nova York. (Foto: Reprodução/Twitter)

O apresentador Danilo Gentili denunciou a hostilidade de ativistas LGBT contra um grupo de cristãos que faziam um culto em um espaço público de Nova York, nos Estados Unidos. O vídeo foi publicado pelo humorista no último sábado (18) em seu Twitter.

As imagens registradas por Gentili mostram uma mulher perturbando a reunião dos cristãos, se colocando na frente do pastor com gestos sensuais e obscenos. “Eu amo Jesus”, ela declarou, rebolando agachada.

Enquanto o pastor fazia a pregação, a mulher dizia: “Deus é, na verdade, amor. Deus não julga as pessoas. Deus é amor”. Complementando sua mensagem, o pastor disse: “A palavra de Deus é verdadeira”. Em seguida, a mulher rebolou e acrescentou: “Esse Deus é verdadeiro como o meu traseiro”.

Em outro momento, a mulher também declarou: “É por isso que estamos aqui. Seremos bichas para sempre. Vamos passar a eternidade como bichas, transgêneros”.

Diante do desrespeito, os cristãos passaram a cantar em alta voz o hino “Há Poder No Sangue de Jesus”, que faz parte da Harpa Cristã. “Há poder, sim, força e vigor neste sangue de Jesus. Há poder, sim, no bom Salvador. Oh! Confia no Cristo da cruz”, diz a canção.

Na legenda do vídeo, Gentili expressou sua indignação com a cena que presenciou. “Acabei de filmar aqui em NY o pessoal ‘do bem’. Fiquei imaginando como reagiria a mina aí se alguém apenas tocasse o ombro dela e dissesse ‘Chegamos primeiro, pode rebolar um pouco mais pra lá?’ Quem duvida que ela iria cair, chilicar e dizer que foi desrespeitada e agredida?”, questiona.

Danilo Gentili

@DaniloGentili

Acabei de filmar aqui em NY o pessoal “do bem”.

Fiquei imaginando como reagiria a mina aí se alguém apenas tocasse o ombro dela e dissesse “Chegamos primeiro, pode rebolar um pouco mais pra lá?”

Quem duvida que ela iria cair, chilicar e dizer que foi desrespeitada e agredida?

FONTE: GUIAME

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here