Faculdade católica feminina aceitará homens que se identificam como mulheres, nos EUA

0
250

Fachada do Saint Mary’s College, em Notre Dame, Indiana. (Foto: Saint Mary’s College)

PARE E PENSE!!!

A Saint Mary’s College é uma faculdade exclusivamente feminina, no entanto decidiu admitir homens para se tornar ‘mais inclusiva’.

Uma faculdade católica importante dos EUA, exclusivamente feminina, anunciou que passará a admitir homens biológicos que se identificam como mulheres.

No entanto, a nova política da Saint Mary’s College, que fica em Notre Dame, Indiana, está enfrentando resistência do líder da diocese local.

Na semana passada, o presidente da faculdade comunicou por e-mail a implementação de uma política de não discriminação aprovada pelo conselho.

A política passará a considerar a admissão de candidatos de graduação cujo “sexo seja feminino ou que vivam e se identifiquem consistentemente como mulheres.”

A controvérsia em torno dessa decisão foi relatada pela Catholic News Agency. O site da instituição destaca que a “tradição de capacitar mulheres com excelentes programas acadêmicos e apoio espiritual da Saint Mary’s começou com nossa fundação em 1844 pelas Irmãs da Santa Cruz”.

‘Nova política’

Lisa Knox, porta-voz do colégio, comunicou à Catholic News Agency que “no ambiente atual, sentimos a necessidade de esclarecer nossa política de não discriminação para torná-la mais inclusiva”.

“Quando o conselho de curadores da faculdade aprovou uma atualização na política da escola em junho, isso envolveu uma alteração em nossa linguagem em relação a quem consideraremos para admissão, bem como como apoiaremos os funcionários em todo o continuum da expressão de gênero”, explicou Knox.

Segundo ela, a faculdade “refletiu cuidadosamente” sobre o seu papel como instituição católica e “o que significa ser uma educadora inclusiva das mulheres na sociedade hoje”.

Katie Conboy, presidente da faculdade, afirmou que “não é de forma alguma a primeira faculdade católica para mulheres a adotar uma política com esse escopo”.

Críticas internas

O bispo Kevin Rhoades, da diocese de Fort Wayne-South Bend, expressou críticas à nova política. Ele disse que achou “decepcionante que eu, como bispo da diocese onde o Saint Mary’s College está localizado, não tenha sido incluído ou consultado sobre uma questão de importante ensinamento católico”.

“Chamar-se a si mesmo de ‘faculdade para mulheres’ e admitir estudantes do sexo masculino que ‘vivem e se identificam consistentemente como mulheres’ sugere que a faculdade afirma uma ideologia de gênero que separa sexo de gênero e afirma que a identidade sexual é baseada na experiência subjetiva do indivíduo”, disse Rhoades, segundo a Catholic News Agency. “Esta ideologia está em desacordo com o ensino católico”.

“O desejo do Saint Mary’s College de mostrar hospitalidade às pessoas que se identificam como transexuais não é o problema”, disse Rhoades. “O problema é que uma faculdade para mulheres católicas adota uma definição de mulher que não é católica.”

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO CHRISTIAN HEADLINES

RETIRO IP SEMEAR 2023

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here