Líderes cristãos celebram a derrubada do aborto: ‘Nosso trabalho está apenas começando’

0
298

Alveda King, Franklin Graham, Rick Warren. (Foto: Wikipedia, Facebook Franklin Graham, Facebook Rick Warren)

Decisão da Suprema Corte suspendeu Roe v. Wade, que permitia o aborto nos EUA desde 1973.

A decisão da Suprema Corte dos EUA de suspender o dispositivo Roe v. Wade, que durante 49 anos liberou o aborto em todo território americano, foi comemorada por líderes cristãos em todo o espectro denominacional.

Apesar das celebrações, eles alertaram que ainda há muito trabalho – nos estados e nas comunidades locais – a ser feito contra o aborto.

A suspensão de Roe pelo tribunal deixa decisões para as Cortes dos 50 estados, onde legislaturas e governadores agora decidirão – e em alguns casos, como no Mississipi, já decidiram – o que fazer.  

Veja a opinião de alguns dos líderes cristãos sobre a decisão considerada história para o país:

LILA ROSE, PRESIDENTE E FUNDADORA DA LIVE ACTION

“Roe v. Wade acabou. As crianças vão viver por causa desta decisão de derrubar a ficção constitucional de Roe v. Wade”, disse Rose. “… Esta decisão é um passo importante para a proteção da vida inocente em nossa nação, mas o trabalho do movimento pró-vida está apenas começando. Embora anular Roe seja um primeiro passo necessário, dar aos Estados a prerrogativa de regular o aborto não é uma vitória final. Embora esta decisão dê aos estados o direito de proteger seus cidadãos mais jovens, muitos dos maiores estados de nossa nação, como Califórnia, Illinois e Nova York, ainda legalizarão e até subsidiarão o assassinato de nossos filhos mais novos. Não teremos justiça verdadeira até que a Suprema Corte reconheça a verdade de que, sob nossa Constituição, todo americano – nascido ou pré-nascido – tem um direito inerente à vida protegido pela 14ª Emenda.

“A ciência prova conclusivamente que uma vida humana única e biologicamente distinta começa no momento da fertilização”, acrescentou Rose. “Toda criança, independentemente de sua idade, deve ser protegida dos horrores do aborto e da indústria do aborto. No futuro, o movimento pró-vida deve defender que a Suprema Corte conceda proteção igual sob a lei a todos os seres humanos, mesmo desde o início da vida de cada ser humano. A partir de hoje, todos os estados de nossa nação devem agir rapidamente para codificar as proteções para crianças pré-nascidas na lei estadual e dar recursos a mães e pais para garantir que a família americana esteja saudável e pronta para florescer sem a grave violência do aborto”.

Rose escreveu em um tuíte: “Nosso trabalho está apenas começando”.

FRANKLIN GRAHAM, PRESIDENTE DA SAMARITAN’S PURSE E DA ASSOCIAÇÃO EVANGELÍSTICA BILLY GRAHAM

“Roe v. Wade, passado há 49 anos, resultou na morte de mais de 63 milhões de crianças inocentes neste país. Infelizmente, esta decisão não é o fim do aborto – ela empurra a batalha de volta para os estados”, disse Franklin Graham.

Franklin Graham em entrevista exclusiva ao Guiame. (Foto: Portal Guiame)

“Minha oração é que todos os estados promulguem proteções para crianças no útero e que nossa nação valorize a vida e reconheça os direitos dos mais vulneráveis”, disse Graham.

KAREN SWALLOW PRIOR, AUTORA E PROFESSORA DO SEMINÁRIO TEOLÓGICO BATISTA DO SUDESTE

“Nosso trabalho agora está apenas começando: devemos ajudar e apoiar mães, pais e bebês. Ame todos eles – e assim tornando o aborto inimaginável”, disse Prior.

BART BARBER, PRESIDENTE DA CONVENÇÃO BATISTA DO SUL

“Os batistas do sul se alegram com a decisão que a Suprema Corte dos Estados Unidos proferiu hoje em Dobbs v Jackson Women’s Health Organization”, disse Barber. “Desde 1980, a Convenção Batista do Sul aprovou mais de 20 resoluções sobre a questão do aborto.

“… Como afirmamos há poucos dias em uma resolução em nossa Reunião Anual de 2022, nos Estados Unidos pós-Roe, ‘Nos comprometemos a apoiar e orar por mulheres vulneráveis ​​ao aborto, para eliminar qualquer necessidade percebida pelo horror de aborto e se opor à Planned Parenthood e outras organizações ou instituições predatórias que exploram mulheres vulneráveis ​​para obter lucro.’ Estado por estado, mãe por mãe, coração por coração, continuaremos nosso trabalho sagrado em direção a esse objetivo”.

RICK WARREN, PASTOR DA IGREJA SADDLEBACK E ESCRITOR

O pastor Rick Warren, que deixará a liderança da Igreja Saddleback da Califórnia para abrir caminho para a próxima geração e não costuma falar sobre questões políticas, elogiou a decisão da Suprema Corte.

The Supreme Court has overturned ROE v WADE ending the federal support of abortion! Millions of unborn Americans say thank you!https://t.co/eNHFTNTeeN pic.twitter.com/xVU46T7PGT— Rick Warren (@RickWarren) June 24, 2022

“A Suprema Corte derrubou ROE v WADE acabando com o apoio federal ao aborto! Milhões de americanos não nascidos agradecem!”, escreveu no Twitter.

ALVEDA KING, FUNDADORA DA SPEAK FOR LIFE E SOBRINHA DE MARTIN LUTHER KING JR.

“Por 49 anos, ‘nós, o povo’ tivemos que suportar uma decisão falha e inconstitucional da Suprema Corte que permitiu que juízes não eleitos criassem um direito nacional ao aborto que acabou levando a ações extremas, como abortos tardios, contra os nascituros”, disse King. “Hoje, a Suprema Corte revogou essa decisão com razão, enviando o poder de regular o aborto de volta às autoridades eleitas em nível estadual. Eu ansiei e orei por este dia. E continuarei lutando pela dignidade humana para todos – do útero ao túmulo”.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO CHRISTIAN HEADLINES E CHRISTIAN POST

RETIRO IP SEMEAR 2023

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here