Nova audiência de pastor desaparecido na Malásia tem reviravolta

0
1211

Família Koh participa de novas audiências relacionadas ao desaparecimento do pastor Raymond Koh, na Malásia. (Foto: Portas Abertas)

Conforme a Portas Abertas, uma nova testemunha foi apresentada e deu declarações impressionantes.

O caso do pastor Raymond Koh sequestrado há 6 anos, na Malásia, ainda não foi solucionado. Nos dias 21 e 22 de agosto, conforme a Portas Abertas, os processos judiciais relacionados ao seu desaparecimento tiveram desenvolvimentos importantes.

Jonathan Koh, filho do pastor, apresentou evidências no primeiro dia de audiência, incluindo um vídeo que viralizou e muitos outros relatórios.
Durante o interrogatório, uma reviravolta inesperada ocorreu quando o promotor questionou a relevância da documentação apresentada por Jonathan, afirmando que não foi registrado pessoalmente por ele, mas pela Comissão de Direitos Humanos da Malásia.

“Pela graça de Deus, as respostas de Jonathan às perguntas dos advogados minaram efetivamente a confiança da oposição”, disse a organização.

‘Declarações impressionantes’

Durante o interrogatório que ocorreu no dia 22 de agosto, uma nova testemunha foi apresentada e deu declarações impressionantes, implicando forças de segurança e pessoas de destaque no sequestro.

A testemunha também expôs a forma antiética com que forças de segurança utilizaram indevidamente sua autoridade e conduziram as investigações.

Por questões de segurança, a testemunha, que é muito ligada ao pastor Raymond Koh, não foi identificada.
O filho do pastor agradeceu pelo apoio recebido dos cristãos e disse que ele e sua família continuam em busca da verdade sobre o desaparecimento de seu pai.

“Eu saí agora da audiência do tribunal e estou me sentindo muito sobrecarregado. Mas, felizmente, pela graça de Deus, eu consegui ficar bem. Espero termos dado evidências suficientes para o juiz tomar uma decisão justa e imparcial. Peço que continuem orando e nos apoiando”, concluiu Jonathan Koh.
As próximas audiências serão nos dias 6 e 7 de novembro. A Portas Abertas pede para que a Igreja continue orando pela família Koh e pelo julgamento.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DA PORTAS ABERTAS

RETIRO IP SEMEAR 2023

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here