Testemunho de atleta deficiente que superou limitações vira filme: “Veio de Deus”

0
1161

Cena do filme “The Hill”. (Foto: Reprodução/YouTube/Briarcliff Entertainment)

Rickey Hill tem sua história narrada no novo filme cristão “The Hill”, estrelado por Dennis Quaid e Colin Ford.

Rickey Hill nasceu sem os discos intervertebrais — pequenas estruturas cartilaginosas da coluna vertebral, que têm como função o amortecimento de carga e a mobilidade da coluna — com isso, ele cresceu usando abraçadeiras que prendiam suas pernas.

Seu sonho era se tornar jogador de beisebol, mas muitos diziam que isso não seria possível. As probabilidades contra ele, e as inúmeras ​​​​cirurgias pelas quais passou, tornavam seu desejo algo difícil de se concretizar.

“As pessoas não perceberam, eu nasci sem disco. Minha avó e minha bisavó usavam cadeiras de rodas. Eu nunca as tinha visto diferentes e estava indo na mesma direção”, disse ele à CBN News.

Rickey Hill, cuja história de vida é o tema do novo filme cristão “The Hill”, estrelado por Dennis Quaid e Colin Ford, é filho de um pregador batista e cresceu confiando no plano de Deus. Ele aprendeu desde a infância que o diagnóstico do Senhor é diferente.

Ele era um garoto resistente que não se intimidava com suas limitações físicas. Com apenas oito anos de idade, ele parou de usar as abraçadeiras e começou a praticar beisebol.

“Um dia, aos oito anos, quebrei aquele aparelho e nunca os coloquei de volta”, contou ele.

Segundo ele, a ousadia e a coragem para superar suas limitações físicas “vieram diretamente do próprio Deus”.


O jogador de beisebol Rickey Hill. (Foto: Reprodução/YouTube/CBN News)

Carreira atlética

Hill demonstrou impressionantes habilidades no esporte e, aos 19 anos, fez um teste para o time Montreal Expos, da “Major League Baseball” (MLB)  — “Liga Principal de Beisebol” — e foi contratado.

Ele também jogou quatro temporadas na “Minor League Baseball” (MiLB) — “Liga Secundária de Beisebol” — até que sua saúde o impediu de continuar.

De acordo com o portal de notícias USA Today, o olheiro de beisebol Red Murff descobriu Hill e o descreveu como “a melhor perspectiva de rebatida pura que ele já viu”.

Sobre conquistar seu sonho, Hill afirmou: “Eu sabia que um dia conseguiria, de alguma forma. Resisti à dor, resisti àquela tempestade”.

O pai de Hill, interpretado por Quaid no filme, estava preocupado com a saúde do filho e por isso foi resistente à ideia dele seguir carreira no beisebol. 

Em vez disso, seu sonho era que Hill escolhesse se dedicar ao ministério, assim como ele.

No filme, Hill, interpretado por Ford, refletiu sobre a realização de ambos os sonhos em sua vida.

“Eu provavelmente fui o único jogador de beisebol que nunca disse um palavrão. Eu entrava nos ônibus e começava a pregar para os caras. Eles ouviam e cantavam músicas gospel, enquanto estávamos viajando. Isso continuou durante minha carreira no beisebol”, relembrou ele.

O atleta confessou que, mesmo nos momentos em que não entendeu o plano de Deus, ele nunca abandonou a esperança ou a confiança na soberania do Senhor.

“Nunca perdi a esperança e a fé e passei por grandes cirurgias que restauraram minhas pernas. Tenho nove parafusos na coluna, seis gaiolas e uma haste de 35 centímetros que me mantém firme. E hoje estou muito grato”, declarou ele.


Dennis Quaid interpreta o pai de Hill no filme. (Foto: Reprodução/YouTube/Briarcliff Entertainment)

Produção em Hollywood

Segundo a CBN News, o sucesso de Hill continua até hoje. Ver a história de sua vida transformada em filme é mais uma confirmação da fidelidade de Deus.

No final dos anos 1970, o irmão de Hill registrou a história do jogador de beisebol em um livro destinado apenas à família. 

Na época, um membro de sua igreja conseguiu uma cópia e a enviou para Hollywood, onde um estúdio demonstrou interesse em produzir o filme. 

No entanto, ainda não era o tempo certo. Os pais de Hill ficaram doentes ao mesmo tempo e seu pai faleceu.


Colin Ford que interpreta Hill no longa. (Foto: Reprodução/YouTube/Briarcliff Entertainment)

Então, após anos, a história foi retomada e escrita pelo mesmo roteirista dos filmes esportivos “Hoosiers” (“Momentos Decisivos”) e “Rudy”.

“Este filme me aproximou de Deus. Por tudo o que passei, isso me aproxima de Jesus Cristo, porque sei que essa história foi escrita antes mesmo de eu estar no ventre de minha mãe”, concluiu ele.

“The Hill”, que estreia nos cinemas dos Estados Unidos nesta sexta-feira (25), ainda não tem previsão de quando será lançado no Brasil. 

Confira o trailer do filme (disponível apenas em inglês):

0:36 / 2:19

THE HILL | Official Trailer | In Theaters Starting August 25

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DA CBN NEWS

RETIRO IP SEMEAR 2023

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here